Alergia a pêlos e caspa de animais

Alergia a pêlos e caspa de animais

O que é?

A reação alérgica é a resposta do organismo a alguma partícula estranha. Quando tal partícula entra em contato com alguma parte do corpo (ex: pele, superfícies mucosas – nariz, intestinos), desencadeia-se uma série de reações do sistema de defesa do organismo (sistema imunológico), com o intuito de se produzirem substâncias capazes de eliminar o agente estranho. Assim, são produzidos os anticorpos contra a partícula estranha.

À medida que o corpo continua tendo contato com a partícula estranha, aumenta-se a produção de anticorpos, os quais interagem com os mais diversos tipos de células, resultando em toda uma gama de reações conhecidas por alergia.

A alergia aos pêlos e caspa de animais é classificada dentro do grupo de alergia aos inalantes. Inalantes são compostos suspensos no ar, que entram em contato com o organismo pelas vias respiratórias, sendo responsáveis pela imensa maioria das manifestações alérgicas do aparelho respiratório (ex: asma e rinite alérgica).

Nota-se uma maior susceptibilidade a desenvolver quadros de alergia os indivíduos com história familiar da doença, portadores de distúrbios sabidamente relacionados com reações alérgicas (ex: asmáticos) e aqueles expostos precocemente a substâncias com potencial alergênico.

Onde se encontram os alérgenos?

Os pêlos e caspas de animais estão presentes em praticamente todos os locais por onde estes passam. A poeira doméstica é rica em alérgenos animais, especialmente quando há cães e gatos na residência. A caspa dissemina-se no ar, depositando-se em móveis, travesseiros, roupas, dentre outros locais.

O indivíduo sensível apresenta sintomas contínuos ou alternados, mesmo sem a presença do animal em casa, em virtude da longa permanência dos alérgenos em diversos locais da residência.

A alergia a pêlos de animais não é universal, ou seja, o indivíduo alérgico a pêlos de gato não necessariamente apresenta reação ao pêlo de cão. A alergia ao pêlo do cavalo costuma revestir-se de maior gravidade dentre as alergias a compostos animais.

Como se manifesta?

A apresentação clínica da alergia a pêlos e caspa de animais é bastante variada. Podem estar presentes desde quadros leves de rinite, com espirros e coriza, até quadros graves de dificuldade respiratória importante (ex: broncoespasmo – estreitamento das vias respiratórias inferiores).

Dessa forma é importante que o doente saiba quais alérgenos são capazes de desencadear as crises, a fim de afastar-se do contato destes. Os quadros com sintomas leves usualmente regridem com o uso de medicação antialérgica, porém os quadros mais graves necessitam de assistência médica hospitalar.

Lembre-se, somente o médico poderá orientá-lo na abordagem desta condição.

Fonte: http://www.boasaude.com.br/folhetos-de-saude/5581/alergia-a-pelos-e-caspa-de-animais.html