Anafilaxia

O QUE É

Anafilaxia é uma reação de hipersensibilidade aguda potencialmente fatal, que envolve a liberação de mediadores dos mastócitos, basófilos e recrutamento de células inflamatórias. Os sintomas ocorrem em minutos ou em até poucas horas da exposição ao agente causal, podendo ser de leve, moderada ou grave. Na maioria dos casos a anafilaxia é de intensidade leve, mas tem o potencial de evoluir para fatalidade. A evolução é usualmente rápida, atingindo pico em 5-30 minutos, raramente pode ser mais duradoura.

SINTOMAS

Os sintomas da anafilaxia incluem:
Edema (inchaço) de glote, lábios, língua ou todo o corpo
Coceira localizada ou por todo o corpo
Rouquidão
Dificuldade para respirar
Dificuldade em engolir
Urticária
Vermelhidão da pele
Cólicas abdominais
Náuseas e ou vômitos
Aumento da frequência cardíaca
Fraqueza súbita
Queda da pressão arterial
Diarreia
Ansiedade
Confusão
Tosse seca
Em casos mais graves, pode ocorrer choque anafilático.

CAUSAS

A anafilaxia é geralmente causada por um alérgeno específico, mas pode, sob condições especiais, ser desencadeada por outros fatores, como medicações, alimentos, ferroada de insetos como abelha, vespa (marimbondo), formiga, látex, além de estímulos físicos, como exercício ou frio.

DIAGNÓSTICO

É importante buscar um pronto atendimento médico imediatamente após o inicio dos primeiros sintomas, principalmente se há edema de glote e falta de ar.

TRATAMENTO

No pronto atendimento serão administradas medicações injetáveis para o controle da reação. O principal tratamento para a anafilaxia é o uso da adrenalina.
Após a crise de anafilaxia, é muito importante buscar o especialista em Alergia e imunologia, para as devidas orientações, investigação da causa e orientação sobre a prevenção de novas crises. Para as ferroadas de inseto, existe tratamento especifico com Imunoterapia alérgeno-específica com excelentes resultados.